Cadastre-se e receba novidades de Promovol Eventos

Paraná vence, fica perto da classificação e deixa o União por um fio no Paranaense

Paraná vence, fica perto da classificação e deixa o União por um fio no Paranaense

Resumão

O Paraná venceu o União na tarde deste sábado, pela 10ª rodada do Paranaense. Com gols de Andrey e Robson, o Paraná conquistou três pontos importantes na briga pela classificação, que ficou para a última rodada. O time jogou com uma equipe mista - poupando titulares para a Copa do Brasil, na terça -, mas conseguiu se posicionar bem frente a um frágil União, que ainda foi montado para buscar o empate com quatro volantes no meio de campo. O ferrolho não funcionou, e o time ainda perdeu o goleiro Marcos Paulo nos últimos minutos, que complicou ainda mais a tentativa de reação e deixou a situação do time por um fio.

Como fica?

Com o resultado, o Paraná volta para a oitava colocação, com 13 pontos, mas ainda depende de um resultado na última rodada para se garantir. Se vencer ou empatar, garante a vaga. Se perder, tem que torcer para que o Cascavel CR não vença o PSTC na última rodada. O União pode cair ainda nessa rodada e, para que ainda tenha chance, precisa torcer para que dois resultados não aconteçam: que o PSTC não vença o Coritiba, neste domingo, ou o Toledo não bata o Operário-PR. Se um desses times vencer, o time cai.

Primeiro tempo

O Paraná entrou com um time misto poupando jogadores para a Copa do Brasil - na próxima terça-feira, contra o Botafogo. O time sentiu as mudanças no começo, mas o União veio para empatar, com o meio de campo lotado de volantes e apenas um atacante, e, aos poucos, foi cedendo espaço. Quem soube aproveitar esses espaços foi Mosquito, que apareceu bem pelo lado e cruzou para a Andrey chutar com força e mandar para o gol aos 23 minutos. O União seguiu sem assustar muito, enquanto o Paraná construía jogadas, mas também não era perigosa na finalização.

Segundo tempo

A fragilidade do União deixou o jogo no mesmo clima no segundo tempo e com o Paraná ainda melhor com a entrada de Robson. O time dominou a partida, apesar de algumas tentativas de chutes de fora da área do combativo Luan, que o goleiro Marcos fez as defesas. Mosquito seguia bem fazendo a descida em velocidade pelas laterais e foi dele que começou o segundo gol, quando fez o passe para Marcelo, que viu Robson bem posicionado para mandar para as redes aos 14 minutos. Precisando do resultado, o União foi para o desespero, chutava de longe, mas só corria atrás da bola. A situação ficou ainda mais complicada depois que o goleiro Marcos Paulo foi expulso ao fazer falta fora da área. O Paraná ganhou espaço, criou chances, mas o placar ficou no 2 a 0.

Gol com vaias

O atacante Robson fez o gol, mas não ouviu o que é normal acontecer. O atacante entrou em campo no intervalo já com vaias da torcida, então acabou provocando quando fez os 2 a 0. Com a mão no ouvido, ele correu para a galera e só ouviu vaias e xingamentos. O clima ficou tão complicado que, quando recebeu um amarelo, a torcida aplaudiu o juiz.

Próximos jogos

O Paraná fecha a primeira fase contra o Toledo, na casa do adversário. O União recebe o FC Cascavel na última rodada. Os dois jogos são às 16 horas, no domingo

Fonte: https://globoesporte.globo.com/pr

Apoio / Parceiros

Sobre a Promovol

Todos os direitos reservados a Promovoleventos.com.br