Cadastre-se e receba novidades de Promovol Eventos

Em jogo com atuação determinante do VAR, Atlético-MG vence Avaí na estreia

Em jogo com atuação determinante do VAR, Atlético-MG vence Avaí na estreia Deu Galo!

O Atlético-MG venceu o Avaí, por 2 a 1, na rodada de abertura do Campeonato Brasileiro, neste sábado, no Independência (veja os lances no vídeo acima). Um resultado que leva alívio ao time, alvo de muitas cobranças da torcida nos últimos dias, marcados por queda de treinador, perda do título mineiro e eliminação precoce na Libertadores. Para os catarinenses, um primeiro passo negativo na volta da equipe à elite nacional. Pela primeira vez na história, o Campeonato Brasileiro passou a adotar o uso do VAR, o árbitro de vídeo. E ele esteve presente nas decisões no Independência.

Teve VAR, duas vezes
O lance que gerou o gol do Avaí teve interferência do árbitro de vídeo. A jogada começa com Brizuela recebendo cruzamento na área. Ele se atira de carrinho para mandar a bola para as redes e, em seguida, acerta a sola da chuteira em Victor. Depois que a bola entrou, o assistente marcou impedimento. O lance foi revisado pela equipe de vídeo, que informou ao árbitro de campo, Rodolpho Toski (Fifa-PR), que não houve impedimento do atacante, nem falta no goleiro. O gol, então, foi validado (veja no vídeo acima). O VAR entrou novamente em ação em outra bola na rede catarinense. Rodolpho Toski apitou gol de Betão. O lance foi revisado, e o árbitro de campo recebeu a orientação da equipe de vídeo para anular o gol por causa de toque de mão do zagueiro.

Primeiro tempo

O jogo começou com muita marcação dos dois lados. Os times encurtaram os espaços, dificultando a distribuição das jogadas. Aos poucos, o Atlético-MG dominou as ações. Quando trabalhou a troca de passes, o Galo teve grande chance, mas a finalização de Elias, de frente para a meta, foi para fora. Foram necessários 46 minutos para o Atlético-MG abrir o placar. Paulinho cometeu pênalti em Ricardo Oliveira. Fábio Santos cobrou e fez 1 a 0.

Segundo tempo
Logo no começo da etapa final, o Avaí empatou. O gol de Brizuela, com o auxílio do VAR, foi validado. Mas, em seguida, o Atlético retomou a vantagem, com Ricardo Oliveira, após boa jogada de Geuvânio. Os catarinenses voltaram a balançar as redes, mas, desta vez, o árbitro de vídeo, anulou o gol que daria o empate aos visitantes. O Avaí seguiu em busca da igualdade. O Galo teve dificuldades para sair para o ataque. Mas teve uma oportunidade incrível no final. No contra-ataque, Ricardo Oliveira passou pelo goleiro, mas se atrapalhou com Vinícius e perdeu o tempo para finalizar. Depois de dominar a bola, o camisa 9 acertou o travessão.

Protesto

Organizadas do Atlético-MG (Galoucura, Embaixadores do Galo, Movimento 105 e Galo Metal) fizeram um protesto fora do estádio antes de a bola rolar no Independência. Com faixas e gritos contra a diretoria e jogadores, integrantes dessas torcidas não entraram para assistir o jogo. O Atlético-MG vem da perda do Mineiro para o Cruzeiro e de eliminação precoce na Libertadores. O time está sem treinador há mais de duas semanas, após a demissão de Levir Culpi.

Agenda
A segunda rodada do Campeonato Brasileiro já é nesta quarta-feira. Às 19h15, o Avaí recebe o Grêmio na Ressacada, em Florianópolis. O Atlético-MG volta a campo às 21h30, quando enfrenta o Vasco, em São Januário, no Rio de Janeiro.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/mg

Apoio / Parceiros

Sobre a Promovol

Todos os direitos reservados a Promovoleventos.com.br